Ticker

6/recent/ticker-posts

Publicidade

"No Limite", "Mestre do Sabor", "Power Couple": "sucessores" do "BBB" terminam sem dizer a que vieram

Finalistas do Power Couple Brasil
Foto: reprodução/Notícias da TV

Em tempos de pandemia, dá-lhe realities! O final do BBB, que, para o bem e para o mal, rendeu muito em audiência, faturamento e repercussão, Globo e Record tentaram surfar nesta onda positiva com outros programas na linha. Porém, nenhum deles conseguiu repetir o frisson da turma de Tiago Leifert. Nesta semana, No Limite, Mestre do Sabor e Power Couple Brasil encerraram suas temporadas sem maiores emoções.

No Limite pode ser considerado a maior decepção desta leva. O programa habitava a memória afetiva de que tem seus 30 anos ou mais, mas não conseguiu repetir o êxito de sua lendária primeira edição, exibida há 21 anos. A ideia de colocar ex-BBB’s na disputa foi interessante, mas se revelou uma ideia ruim. Os participantes pareciam mais interessados em angariar seguidores do que disputar o prêmio, o que fez a competição arrefecer logo no começo. Chegaram ao cúmulo de eliminarem dois participantes que simplesmente pediram para sair.

Além disso, a edição não conseguiu criar um enredo minimamente envolvente. As cenas do acampamento eram aleatórias e não contavam uma história. As provas também decepcionaram e o programa abusou das regalias dadas aos participantes. E ainda: a final ao vivo foi chocha toda vida. Colocar os participantes para um “remember” chato e dar ao público a chance de escolher um vencedor tornou tudo arrastado e sem emoção. Foi tudo desanimado, que acabou combinando com a performance desanimada de seu apresentador, André Marques, que se mostrou pouco empolgado o programa todo.

Ainda nesta semana, também chegou ao fim o Mestre do Sabor. O talent show de culinária estreou sua terceira temporada mostrando que, para a Globo, o que importa mesmo é o faturamento, e não o engajamento do público. Só isso explica o fato de não haver qualquer tentativa de deixar o formato mais atrativo. O programa é gelado, sem calor humano. A única novidade foi um quadro de humor que não tinha a menor graça.

Por fim, a semana foi encerrada com a final do Power Couple Brasil. A quinta temporada do reality show de casais começou muito bem, com participantes que pareciam realmente dispostos a fazer tudo pelo entretenimento. Mas as eliminações tiraram da cena casais que rendiam, deixando à cena duplas sem grande expressão. Com isso, os casais Deborah e Bruno e Mari e Matheus despontaram facilmente como favoritos. Assim, a final revelou-se previsível.

De ponto positivo, o programa teve a presença de Adriane Galisteu, que se mostrou segura na função. Adriane conseguiu imprimir um estilo, fez boas intervenções e teve o jogo nas mãos todo o tempo. Sua prova de fogo foi o episódio de quinta-feira, 22, chamado de Quebra Power, que reuniu todo o elenco para uma “lavação de roupa suja”. Ali, Adriane se posicionou como boa mediadora, mostrando firmeza e sensibilidade para saber o que perguntar e quando intervir na discussão. Provou que merece mesmo a vaga em A Fazenda.

E vem mais realities e talent shows por aí. Além do MasterChef Brasil, que deve começar a decolar agora, o espectador ainda será brindado com Bake Off Brasil, no SBT; Ilha Record, na Record; e The Masked Singer Brasil, que estreia em agosto na Globo. Será que algum deles conseguirá fazer barulho? Aguardemos.

André Santana

24/07/2021

Postar um comentário

2 Comentários

  1. No Limite já é o flop do ano e meu voto no Santa Clara para fiasco do ano. Trouxeram uma ideia de 21 anos que não deu certo.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Jamais fui envolvido com o reality Mestre do Sabor... Tive problemas com o meu computador, mas já estou de volta. Abs, Fabio www.blogfabiotv.blogspot.com.br

    ResponderExcluir