sábado, 21 de dezembro de 2019

Perspectiva 2020: o que vem por aí


2019 frustrou os mais otimistas. Quando se pensava que a crise daria uma trégua, a coisa tomou um outro rumo. Assim, a TV aberta, que já estava apertando o cinto, se viu obrigada a apertar ainda mais. Todos os canais foram mais prudentes com estreias e investimentos, preferindo ficar numa zona de conforto. Cortes aconteceram, mudanças e enxugamentos foram acompanhados.

Sendo assim, esta cautela deve continuar em 2020. Até aqui, Globo, SBT, Record, Band e RedeTV não anunciaram grandes mudanças, contratações ou investimentos. Pelo contrário. Cada vez mais, há a necessidade de não fazer grandes apostas, e os canais seguirão suas vidinhas investindo em projetos de retorno garantido. Se os cortes cessarem, já será uma vitória e tanto.

É possível que a movimentação mais impactante do ano seja a mudança estrutural da Globo, que passa por uma fase de unificação de várias das empresas que formam o Grupo Globo. Uma das consequências desta reestruturação deve ser percebida pelo público por meio do maior intercâmbio de produções entre as diferentes janelas de exibição. Ou seja, produtos Globosat e GloboPlay ganhando exibição na TV aberta, e vice-versa.

Enquanto isso, os demais canais tentarão driblar a crise aumentando a oferta de programas rentáveis. Ou seja, muitos reality shows, programas de variedades e todo tipo de formato que permita vender muito. SBT, Record, Band e RedeTV anunciaram poucas novidades até aqui, o que indica a cautela de todas estas emissoras.

Veja o que os canais abertos andam preparando para o próximo ano:

Globo

Mesmo em fase de economia, a Globo mantém sua prática de promover estreias ao longo de todo o ano. Em janeiro, a emissora já dá o start com sua linha de shows, com diferentes produtos. Nas primeiras semanas do ano, a Globo aposta nas minisséries. Uma reprise comemorativa de O Auto da Compadecida, a microssérie Chacrinha e o enlatado Madiba estão entre as atrações. O BBB 20 estreia no dia 21 de janeiro. No mesmo dia, estreia também o novo humorístico Fora de Hora. Já no dia 23, Lady Night retorna à TV aberta. Outras estreias de janeiro da Globo são a nova temporada do The Voice Kids, no dia 05, e o SóTocaTop Verão, no dia 04.

O BBB 20 deve ser longo. A previsão é que a final aconteça apenas no dia 23 de abril. Assim, até lá, a linha de shows da Globo deve se manter sem maiores alterações. Depois disso, devem vir novas séries, mas a emissora ainda não confirma os títulos. A expectativa é que Segunda Chamada estreie sua segunda temporada ainda em abril. Outra que segue em compasso de estreia é Angélica, com seu prometido novo programa que tem sérias dificuldades em sair da gaveta.

Outros programas de temporada já foram confirmados pela Globo em 2020, como Zero1, The Voice Brasil, Tamanho Família e Escolinha do Professor Raimundo. Além disso, haverá uma reformulação nas manhãs de sábado, com o fim do Como Será?. A expectativa é que a emissora aposte em jornalismo ao vivo na faixa, com boas possibilidades de o Bom Dia Brasil ganhar uma exibição aos sábados.

Além disso, a emissora lançará várias novas novelas ao longo do ano. Malhação – Transformação será a próxima temporada da trama teen, assinada por Priscila Steinman. Na faixa das seis, Nos Tempos do Imperador, de Alessandro Marson e Thereza Falcão, substitui Éramos Seis. Às sete, a novidade é Salve-se Quem Puder, de Daniel Ortiz, que estreia ainda em janeiro. Enquanto isso, a faixa das nove receberá mais uma autora estreante: Lícia Manzo emplaca Em Seu Lugar, sucessora de Amor de Mãe.

SBT

O SBT, para variar, nunca anuncia nada com muita antecedência. O que se sabe até aqui é que uma enxurrada de reprises tomará conta da programação entre os meses de janeiro e fevereiro. Shows de variedades, como o Programa do Ratinho, Domingo Legal e Eliana, entre outros, devem retornar inéditos apenas em março, depois do Carnaval.

Uma das poucas novidades já acertadas é a estreia do reality show de futebol Uma Vida, Um Sonho. Com apresentação de Glenda Koslowski, a atração será uma espécie de peneira que deve revelar um novo talento nos campos. O programa tem estreia prevista para maio e deverá ser exibida aos domingos, antes do Domingo Legal.

Além de Glenda, outro ex-global está na mira do SBT. Trata-se de Dony DeNuccio, que negocia um novo programa de variedades com o canal de Silvio Santos. O projeto é de uma espécie de game show que pode envolver assuntos empresariais. Mas o programa é cercado de mistérios e ainda não há uma definição se irá adiante. Provavelmente, se rolar, o anúncio só ocorrerá no ano que vem.

E como o SBT adora ressuscitar programas velhos, agora o canal cismou novamente com a Porta da Esperança. O programa quase retornou há uns dois anos, como quadro do Programa do Ratinho, mas Silvio Santos vetou a ideia. Ao que tudo indica, o dono do Baú agora resolveu apostar na atração que busca realizar os sonhos dos participantes. Mas não se sabe nada a respeito: nem quando estreia, nem que dia será exibido, muito menos quem irá apresentar. O que se sabe é que já há uma chamada no ar pedindo que os espectadores mandem cartas (sim, cartas!) para participar.

No mais, nada de novo. Programa do Ratinho, The Noite, Operação Mesquita, A Praça É Nossa, Programa da Maisa, Programa Raul Gil, Domingo Legal, Eliana, Topa ou Não Topa, Esquadrão da Moda e Programa Silvio Santos (claro!) permanecem na programação. Fábrica de Casamentos, Junior Bake Off, Bake Off Brasil e Famílias Frente a Frente ganharão novas temporadas.

Record

Aos poucos, a Record vai adotando estratégia semelhante à da Globo, com lançamentos já no começo do ano. Em janeiro, a novidade deverá ser a estreia de Sabrina Sato aos domingos, num novo programa que substituirá o Domingo Show. Pouco se sabe sobre o formato. Até aqui, foi divulgado que haverá muitas externas e um novo reality, comprado fora.

Já entre o final de janeiro e o início de fevereiro, a emissora lança as novas temporadas de Troca de Esposas e The Four Brasil. No primeiro, Ticiane Pinheiro continua a acompanhar a rotina de duas famílias que terão suas matriarcas trocadas durante uma semana. Já no segundo, Xuxa Meneghel volta a comandar uma disputa entre cantores para se chegar a um quarteto de finalistas, que se enfrentarão no último episódio.

A partir de março, a linha de shows da Record deve repetir o ano que passou, com a exibição das novas temporadas de Power Couple Brasil e A Fazenda, diariamente, e com o Top Chef, Dancing Brasil e Canta Comigo se revezando nas noites de quarta-feira. A emissora ainda não anunciou quem substituirá Gugu Liberato em seus programas. Marcos Mion corre por fora para o comando do Power Couple, enquanto um novo apresentador está sendo pensado para o Canta Comigo. Além disso, há um projeto de um novo jornalístico, com Luiz Bacci, também para a linha de shows.

Na dramaturgia, a única novela enfileirada é Gênesis, de Emílio Boechat, que deve substituir a reprise de O Rico e Lázaro. Ainda não se sabe o que substituirá Amor Sem Igual. Até porque a emissora está com um banco de autores de novelas reduzidíssimo. Não estranhem se o canal voltar a apostar numa reprise na faixa das 20h30…

Band

A Band segue com sua política de fazer apostas mais seguras. Assim, em 2020, a expectativa é que o canal siga fazendo estreias. Ao menos, a emissora já anunciou algumas das novidades que pretende implantar. Uma delas é Lado C, programa com Paolla Carossella, um talk show que promete mostrar outros lados do entrevistado. Henrique Fogaça também deve ter um voo solo, com Mistérios do Pantanal, uma série sobre a cultura e a culinária da famosa região do país.

Enquanto isso, Erick Jacquin deve emplacar mais uma temporada de Pesadelo na Cozinha. E os três, mais Ana Paula Padrão, se reunirão novamente para mais duas (e enormes) temporadas do MasterChef. A fórmula anda bem esgotada, é verdade, mas ainda rende um dinheiro do qual a Band não pode abrir mão. Pelo mesmo motivo, O Aprendiz de Roberto Justus, também deve ter nova temporada.

A emissora também almeja turbinar seu jornalismo. Depois das estreias do Bora SP e Band Notícias, o canal deve apostar numa reformulação do Jornal da Noite e lançar mais um noticioso, nas madrugadas. A ideia é fazer frente aos jornais para insones, como o Hora 1, da Globo. Além disso, o esporte volta a ocupar mais espaço, com basquete e os campeonatos internacionais de futebol.

Enquanto isso, nos bastidores, rumores dão conta de que Ronnie Von pode ser anunciado como o novo contratado da emissora. A direção da Band nunca escondeu a admiração pelo apresentador, desde os tempos do Todo Seu. Agora fora da Gazeta, Ronnie pode voltar ao ar pelo canal dos Saad. Há quem diga que ele está bastante cotado para um programa semanal na linha de shows.

RedeTV

A RedeTV deve vir com algumas mudanças importantes no horário nobre. A primeira delas é a estreia de um novo noticiário popular, comandado por Sikêra Junior. O apresentador faz bastante sucesso em Manaus, onde comanda um programa nos mesmos moldes na TV A Crítica, que chega a incomodar a Globo. O programa será produzido pela TV A Crítica, em Manaus, mas terá abrangência nacional. Será exibido diariamente, na faixa entre 18h e 19h30.

Com a chegada de Sikêra Junior, o Tricotando mudará de horário. A RedeTV confirma que o programa não sairá do ar, mas não avisou em qual horário passará a ser exibido. Será que o programa de Lígia Mendes e Franklin David ocupará um dos trocentos horários vendidos para a igreja? Se for isso, Tricotando pode ser exibido tanto pelas manhãs quanto na hora do almoço, depois de Olga. Tempo ao tempo.

As mudanças na faixa noturna da RedeTV seguirão com o TV Fama. Segundo Leo Dias, que assume como editor executivo do programa de fofocas, os donos da emissora concordaram em tirar a atração da concorrência direta com a novela das nove da Globo. Assim, TV Fama deve voltar ao horário das 19h30, sucedendo Sikêra Jr na grade. O programa será reformulado pelo novo editor, que também deve aparecer no vídeo. A única certeza é que Nelson Rubens segue na apresentação.

Caso o TV Fama realmente volte para a faixa das 19h30, o RedeTV News deve voltar ao seu horário original, às 21h30. Um horário, aliás, do qual nunca deveria ter saído.

André Santana

6 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Neste ano, o BBB começará mais tarde... veremos o que acontece, já que Amor de Mãe derruba toda a programação noturna. Quero ver essas novidades da RedeTV!. Aproveito a oportunidade para desejar um ótimo Natal! Abs, Fabio www.blogfabiotv.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando a novela e boa o povo rejeita depois não reclamem do walcyr voltar todo ano.meu o BbB vai começar depois das séries como será isso ? Eu gisyp do jornalismo da rede TV fora isso so tem fofoca

      Excluir
    2. Oi Fabio, tudo bem? Sim, em 2019 o BBB começou mais cedo, este ano virá na segunda quinzena. Mas, ainda assim, terá mais episódios do que o do ano passado. E tem razão, seu desempenho depende da novela que o antecede, e Amor de Mãe não é um sucesso. Vamos ver como serão essas novidades. Abraço!

      Miguel, o BBB começa depois da novela. O Fabio só apontou que, em 2019, o reality começou nas primeiras semanas do ano, e em 2020, começará um pouco depois. Abraço!

      Excluir
  2. Tirando o humorístico Fora de Hora, nada mais me interessa nessa "seara de novidades".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem praticamente nenhuma novidade apenas estreias de alguns programas de jurados do materchef novela e séries na Globo ....e a interação com Globo play na estáocorrendo ...a TV globo está servindo como vitrine do globo play que talvez seja o futuroda emissora se o Bolsonaro cassa la mesmo

      Excluir
    2. Mister Ed, estou curioso pelo Fora de Hora e pela próxima novela das sete, pois as chamadas estão convidativas. E Lady Night eu adoro também, é reprise, mas eu não canso de ver, ehehe!

      Excluir