Ticker

6/recent/ticker-posts

Publicidade

Bom documentário sobre Silvio Santos marca o aniversário de 40 anos do SBT

Logotipo em comemoração aos 40 anos do SBT
Reprodução

O SBT completou 40 anos na última quinta-feira, 19. Os festejos foram tímidos, bem diferente da comemoração dos 30 anos, que rendeu uma ótima série semanal, o Festival SBT 30 Anos. Além da covid-19 e do afastamento de Silvio Santos, que com certeza pesaram para que a festa fosse mais discreta, a atual apatia da emissora como um todo (e que vem antes da pandemia, bem entendido) também explica a falta de uma comemoração mais animada.

Se não foi possível produzir nada novo para marcar a efeméride, felizmente o SBT tinha um tesouro engavetado, e encontrou um momento oportuno para exibir. O documentário sobre a vida de Silvio Santos, produzido por Leonor Corrêa em 2015 para comemorar os 85 anos do animador, finalmente foi ao ar. A atração foi exibida no Programa Silvio Santos no último dia 8 de agosto, e ganhou uma reprise nesta quinta, com o nome Especial SBT 40 Anos.

O programa chamou a atenção pela produção caprichada. Nele, Marília Gabriela narra toda a história de Silvio Santos, desde o seu nascimento na Lapa, bairro do Rio de Janeiro, até seu aniversário de 85 anos. Tudo é costurado por encenações, números musicais e uma série de depoimentos marcantes de pessoas que fazem parte da história do animador e do SBT. Tiago Abravanel e Ivete Sangalo surgiram em números musicais, enquanto Pelé e Roberto Carlos são algumas das figuras públicas a dar depoimento, além de políticos como Fernando Henrique Cardoso, Lula e Dilma Roussef.

E ainda: Carlos Alberto de Nóbrega falou da grande amizade entre Silvio Santos e seu pai, Manoel de Nóbrega; Eliana e Mara Maravilha narraram como foram “descobertas” pelo “patrão”; as filhas desvendaram como é Silvio Santos na intimidade; e executivos do SBT dividiram histórias sobre os bastidores da emissora. Quem é fã de televisão deve ter se deliciado ao ver Boni e Gugu Liberato contando a mesma história, de quando o loiro assinou com a Globo, mas desistiu do acordo quando o próprio Silvio Santos intercedeu, numa conversa direta com Roberto Marinho.

É compreensível entender o motivo de este programa ter ficado na gaveta tanto tempo. Sabe-se que Silvio Santos não é adepto de usar sua emissora para festejar a si mesmo. No entanto, neste momento, foi uma exibição mais do que oportuna. O público precisava ter acesso a esta joia tão bem construída pela sempre competente Leonor Corrêa e sua equipe. O especial é um documento histórico.

Sim, foi um programa chapa-branca, que não navegou no lado mais obscuro de Silvio Santos, como seu posicionamento político, o caos do Banco Panamericano e outras passagens menos nobres. Ainda assim, o especial foi muito eficiente na apresentação do personagem principal, dividindo curiosidades de bastidores com o público de uma maneira muito afetuosa.

Claro, a história e os bastidores do SBT ocupam a maior parte do documentário, o que é mais um motivo para que ele tenha sido exibido no dia em que a emissora comemora 40 anos. O SBT é uma emissora de uma história muito rica, repleta de peculiaridades, que reflete muito a personalidade de seu dono.

É uma pena que o SBT chegue aos seus 40 anos numa de suas piores fases, com pouca produção, criatividade zero e sem a mesma vontade de ser relevante, que um dia já motivou o canal. A emissora está acomodada em programas de pouca repercussão e audiência, e não demonstra sinais de recuperação. Que este aniversário de 40 anos, então, seja um momento de reflexão para que a emissora possa iniciar um novo ciclo e recuperar o rumo.

André Santana

21/08/2021


Postar um comentário

2 Comentários

  1. Torço pro SBT reencontrar seu caminho porque é um canal que faz parte da história da televisão brasileira.

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Quando o SBT completou 25 anos, comentei "Esperamos que os bons ventos voltem para alegrar o telespectador". E agora, aos 40 anos, permanece a mesma mensagem. Ou seja, não é de hoje que o canal enfrenta desafios... Abs, Fabio www.blogfabiotv.blogspot.com.br

    ResponderExcluir