Ticker

6/recent/ticker-posts

Silvio Santos mexe no "Fofocalizando" e audiência cai

"Deu ruim pra gente!"

Silvio Santos não pode ver um programa de sua emissora indo razoavelmente bem que resolve meter o bedelho para afundá-lo de vez. Talvez não seja esse o propósito do patrão, mas é a impressão que ele passa ao promover mudanças sem sentido dentro de uma atração que ele mesmo criou e que, a muito custo, conseguiu um lugar ao sol. Fofocalizando começou muito mal, teve inúmeros tropeços e mudanças, mas conseguiu se estabelecer. Porém, novas mudanças orquestradas pelo dono do SBT colocaram a atração em xeque novamente.

Há algumas semanas, a emissora surpreendeu ao anunciar o desligamento de Márcio Esquilo da direção do vespertino. Esquilo comandava o Fofocalizando desde o início, quando ainda era o Fofocando, e sempre foi um profissional muito elogiado pela equipe e pelos apresentadores do programa. Após uma mexida aqui, uma remexida ali e uma expulsão de Mara Maravilha acolá, Fofocalizando vinha numa fase um tanto mais tranquila, tanto em conteúdo quanto em audiência.

Mas Silvio Santos passou a caneta. Afastou Esquilo, escalou o desaparecido Caco Rodrigues para a direção do Fofocalizando e mandou que a atração voltasse a ser como era antes (seja lá o que isso quer dizer). Sob a batuta de Caco, Fofocalizando resgatou quadros chatos, como o Doeu no Ouvido É Destruído, e vem apostando mais em matérias e menos nos comentários dos apresentadores. E, coincidência ou não, a audiência caiu. Segundo o site Notícias da TV, na última sexta-feira, 10, o programa de fofocas do SBT marcou apenas 5 pontos na Grande São Paulo. Ficou em terceiro lugar na audiência e teve um dos piores ibopes da grade da emissora.

Trata-se de uma movimentação, no mínimo, estranha. Silvio Santos mexeu num programa que, se não era um estouro, também estava longe de ser um fracasso. Além disso, escalou Caco Rodrigues para tocá-lo, um diretor (e ex-apresentador) das antigas da casa, e que não tem nenhum grande sucesso no currículo. Entre outras coisas, Caco esteve à frente da última versão do Fantasia, como diretor e apresentador, versão esta que teve vida curta. Imaginar que ele fosse capaz de ampliar os índices da atração beira a ingenuidade.

Sendo assim, a impressão que passa é que Silvio Santos está “cozinhando” o programa para acabar com ele de uma vez. Provavelmente, o programa não é mais a menina dos olhos do chefe, e a manobra servirá para justificar um possível fim do Fofocalizando. Depois de tanto esforço para fazer o programa engrenar, será mesmo que Silvio Santos, agora, quer minar tudo? Coisa mais esquisita.

André Santana

Postar um comentário

8 Comentários

  1. De fato as intervenções do Silvio fizeram o programa cair ainda mais embora o marasmo já tivesse tomado conta do programa. O excesso de apresentadores, o ego inflado da Lívia depois que a Mara saiu, o desconforto do Décio em estar participando daquilo e o Léo Dias agora na figura de artista não de jornalista. Destaco ainda que alguns dos problemas que haviam desaparecido com a saída de Maravilha voltaram como um falando por cima do outro e a Lívia soltando discursos toscos e sem nexo como a baiana fazia. No lugar do Silvio eu deslocava o Leão é o Leo pra fazer as vezes da Fabíola no Primeiro Impacto, a Mama pra Praça É Nossa, a Lívia apenas no PSS é a produção pra outras atrações da emissora. O Fofocalizando já dá sinais de desgaste não é de hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Filippe, boas pontuações. Honestamente, me parece que deve acontecer algo nesse sentido, sim. Silvio Santos está dando sinais claros de que o Fofocalizando está na linha de tiro. Vamos ver.

      Excluir
  2. Programas com muitos apresentadores não dá certo ,será que o patrão não percebe isso
    As tardes do SBT está horrível e desgastada com o Focalizando e o péssimo dos péssimos Casos de Família

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Caio! Casos de Família é outro que está desgastadíssimo!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João Paulo, a Sonia foi melhor na Record do que no SBT, vale lembrar. Na época, ela só saiu da emissora porque a Record entrou na fase de eliminar os programas ditos "populares" e extinguiu, numa tacada só, o Sonia e Você, o Programa Raul Gil e o Cidade Alerta. Aliás, eu tenho pra mim que se, hoje, a Record tivesse a Sonia na sequência do Balanço Geral, seria uma bela arma nas tardes.

      Excluir
  4. Concordo que o excesso de apresentadores é um dos principais problemas do Fofocalizando. Não assisto o programa, nem nenhum outro do gênero, mas por que não apostar em um elenco mais enxuto como o quadro A Hora da Venenosa, da Record? Esse atropelamento de comentários prejudica um programa que, como bem disse o André, nunca foi um sucesso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Mister Ed. E vale lembrar que o Fofocando estreou com dois apresentadores só, o Leão e a Mamma, com o intragável Homem do Saco fazendo as vezes de Louro José. Se eu fosse o diretor, deixaria ali apenas quem realmente tem a ver com fofoca.

      Excluir