terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Tiago Leifert ou Rodrigo Faro podem substituir Huck na Globo, diz revista

"Quem quer ser presidente? E quem
quer um programa no sábado à tarde?"
Enquanto Luciano Huck não resolve se vai pra política ou não, seguem as especulações sobre o que acontecerá com seu programa na Globo. Afinal, o apresentador já foi avisado que, se resolver sair candidato, terá que deixar o comando do Caldeirão do Huck. Segundo consta, Huck tem interesse em concorrer à Presidência da República em 2022. Sendo assim, a direção da Globo tem alguns poucos anos para resolver como tapar o buraco que pode vir a ser deixado por Luciano, que comemora 20 anos à frente do Caldeirão do Huck em abril deste ano.

Ainda há algum tempo e, sendo assim, muita água pode rolar por debaixo desta ponte. No entanto, segundo o site da revista Veja, dois nomes despontam como favoritos ao posto: Tiago Leifert e Rodrigo Faro. O primeiro sinalizaria uma solução caseira, tendo em vista que Leifert é, hoje, um dos principais apresentadores da Globo. Já Faro significaria que a emissora pode buscar um nome do mercado, e consideraria o sucesso comercial do apresentador da Record.

Se optasse por Tiago Leifert, a emissora criaria mais problemas para ela. Apesar de ser uma escolha natural, tendo em vista o status que o jovem tem hoje na casa, a chegada de Tiago Leifert às tardes de sábado significaria que o jornalista teria que deixar suas demais atrações. Ou seja, a Globo teria nada menos que três programas sem apresentador se Tiago fosse o escolhido. Claro, o Zero1 é um espaço autoral, que poderia ser extinto, ou até absorvido pelo novo programa. Mas Big Brother Brasil e The Voice Brasil não devem deixar a programação da Globo tão cedo, e a emissora teria que buscar novos apresentadores para eles.

Já Rodrigo Faro parece ser o nome mais cotado no que se refere à questão comercial. O apresentador é (ou, ao menos, era) muito bem quisto no mercado, o que agregaria prestígio ao possível novo programa de sábado da Globo. No entanto, Faro não vive seu melhor momento junto ao público e ao Ibope. Seu Hora do Faro vem se posicionando atrás do Eliana, do SBT, e atitudes do apresentador, como perguntar sobre o Ibope enquanto homenageava Gugu, ajudou a desgastar sua imagem junto ao público. Ou seja, a não ser que este cenário mude, neste momento o nome de Faro me parece pouco provável.

O caso é que a Globo terá um problema grande em mãos se Luciano Huck realmente deixar a emissora. Caldeirão do Huck é o programa de sábado mais bem-sucedido da Globo desde o Cassino do Chacrinha, nos anos 1980. Ou seja, não é pouca coisa. E, verdade seja dita, solução caseira não caberia aqui. A emissora conta com apresentadores que parecem não combinar com o espaço, como André Marques ou Marcio Garcia (que até poderia ser um nome, mas parecia meio desanimado em seus últimos programas). E fora dali, há poucos nomes de destaque nos auditórios, que parece um formato próximo da extinção. Duh Secco, colunista do RD1, sugeriu em sua coluna o nome de Celso Portiolli, que realmente vive uma ótima fase no SBT. Além dele, apenas Eliana parece adequada para a vaga, já que costuma apostar em atrações semelhantes às do Caldeirão em seu programa. No entanto, ambos têm a imagem muito associada ao SBT. Será? 

André Santana

13 comentários:

  1. 2022 do Deus sabe como estar a a globo. ..Ela pode labantsr alguém do jornalismo tipo o Felipe Andreoli ou Otaviano Costa

    ResponderExcluir
  2. O Faro pra mim se queimou depois do caso da audiência na Record e o Tiago Leifert seria a opção mais óbvia pra ocupar o lugar do Huck.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kleber, concordo contigo. Mas, como eu disse no texto, a escolha do Leifert poderia gerar um efeito cascata que pode não ser interessante para a Globo. Vamos ver.

      Excluir
  3. Tenho uma antipatia imensa pelo Thiago Leifert, não gosto de jeito nenhum. Acho que Rodrigo Faro não trocaria seu espaço no domingo por um programa nas tardes de sábado mais não. E a rescisão milionária? E o ego? Acho que a solução caseira poderia muito bem ser o Márcio Garcia, ele teve uma excelente fase nesse dia na Record. O Tamanho Família é que força na emoção, talvez por isso Márcio tenha estado cabisbaixo. Eu apostaria na Fernanda Gentil, que tem traquejo, simpatia, se comunica bem e merece coisa melhor que o tal Se Joga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mister Ed, eu gosto bastante do Leifert. Analisando os nomes atuais da Globo, eu concordo que ele é o mais preparado para substituir Luciano Huck. O que pesa contra ele é que ele está à frente de programas importantes da emissora, e não há, até aqui, quem possa sucedê-lo no comando de um BBB, por exemplo. Márcio seria a minha aposta há alguns anos, mas hoje não sei mais... Acho-o um excelente apresentador, mas parece que sua fase já passou. Não sei. Fernanda é um bom nome, sem dúvidas, mas eu acho que ainda lhe falta mais preparo na condução de um programa popular. Tenho a impressão de que ela ainda não alcança a dona de casa, por exemplo. Mas pode funcionar. Já o Faro, acho que se a Globo acenar com um contracheque polpudo e estrutura, ele iria sim. Mas a Globo esperaria acabar o contrato dele com a Record. Mas, como eu disse acima, Rodrigo Faro parece estar numa fase mais complicada. Talvez ele fosse a opção da Globo há uns dois anos. Hoje, acho que não.

      Excluir
  4. Solução caseira: Márcio Garcia.
    De fora: Marcos Mion. Eliana e Celso estão muito bem no SBT, audiência e faturamento em alta, não há motivos para trocar. Rodrigo Faro foi "cancelado" e creio que a Globo não faria a besteira de contratá-lo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais facilm a Globo surpreender e transformar algum repórter em apresentador

      Excluir
    2. G. S., bem lembrado! Se a Globo for buscar alguém da Record, acho mais fácil chamarem o Mion do que o Faro! Mion é muito bem quisto dentro da Globo. Duh Secco, do RD1, falou do Celso com um argumento que achei pertinente: hoje, ele é o único animador de auditório que vive uma fase ascendente. Os demais estão estáticos ou em queda. Se a Globo resolver olhar para o mercado, acho possível, no mínimo, sondá-lo. Vamos ver.

      Excluir
  5. Bota reprise do programa do Chacrinha que é melhor, haha!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha! Chacrinha, só no Viva. E diz a lenda que existem poucos programas do Chacrinha inteiros nos arquivos da Globo (tanto que o Viva exibe uns nove ou dez episódios, só).

      Excluir
  6. Eliana não por favor , pode entender de TV mais não passa verdade...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensei na Eliana porque ela é, hoje, a única apresentadora que tem um programa de proposta semelhante ao Caldeirão do Huck. Ela tem uma versatilidade que combina com a colcha de retalhos que se tornou o Caldeirão. Eu gosto dela, e acho-a bastante pronta para uma missão destas.

      Excluir