sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Globo podia considerar mudar horário do "Vale a Pena Ver de Novo"

Desde que matéria do UOL confirmou que o novo programa vespertino da Globo deve estrear ainda este ano, especula-se sobre como ficará a grade do canal com a novidade. Existe a possibilidade de o novo programa, que terá Fernanda Gentil e Érico Brás, simplesmente substituir O Álbum da Grande Família, na faixa das 16 horas. Mas pode ser também que a emissora opte por usá-lo para bater de frente com A Hora da Venenosa, da Record, e colocá-lo depois do Jornal Hoje.

No entanto, este pequeno e humilde blog dá a dica: por que não estreá-lo no atual horário do Vale a Pena Ver de Novo? A direção da Globo poderia considerar a possibilidade de as reprises de novelas voltarem a ser exibidas mais cedo. De repente, a grade da Globo poderia ficar assim: Vale a Pena Ver de Novo depois do Jornal Hoje, com a Sessão da Tarde entrando depois da novela e entregando para o novo programa de Érico e Fernanda, que passaria o bastão para Malhação. Isso, claro, se a emissora ainda pensa em manter os filmes (há quem acredite que a sessão pode acabar, mas nenhuma decisão foi tomada neste sentido).

Se a gente pensar que uma reprise do porte de Por Amor, atualmente em exibição, vem registrando excelentes índices de audiência, a emissora poderia combater as fofocas da Record justamente com o que sabe fazer de melhor: dramaturgia. A Sessão da Tarde poderia receber uma audiência boa da novela e mantê-la. Por fim, o novo programa de entretenimento exibido entre 16h45 e 17h45 (mais ou menos) não teria grandes concorrentes e poderia consolidar um horário de entretenimento onde o espectador não tem melhores opções.

Além disso, ao voltar a exibir o Vale a Pena Ver de Novo mais cedo, a Globo teria uma grade mais variada. Afinal, como está hoje, o canal enfileira novelas, com três folhetins exibidos em sequência: Por Amor, Malhação e Órfãos da Terra. Isso sem falar que, atualmente, A Grande Família é exibida antes, completando quatro programas de dramaturgia enfileirados. 

Além de promover mudanças de horários, a Globo deveria planejar bem a próxima reprise de novela, para auxiliar a nova atração. Uma trama mais antiga e clássica, como Por Amor, seria interessante para manter a atual plateia. Ou então uma mais recente e esperada, tipo Avenida Brasil. Se o canal conseguisse lançar o novo programa e a “nova” reprise no mesmo dia, teria grandes chances de alcançar ótimos resultados. Já pensou?

André Santana

10 comentários:

  1. Fernanda apanharia feio do Bacci nesse horário novo, coitada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem lembrado! O novo programa teria que vir com força. Se for mais do mesmo, vai apanhar do Cidade Alerta mesmo.

      Excluir
  2. Tem de ver a força desse possível programa da Fernanda Gentil. Eu acho pesado pra ela ter de competir em uma atração diária. Deveriam ter dado um programa semanal pra ela primeiro, como um teste. Sobre a troca de horário que você citou, faz bastante sentido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, Alexandre! Fernanda já virá com a responsabilidade de "salvar" as tardes da Globo. Isso é muito pesado. Ela devia ter estreado num semanal, de temporada, para ganhar estofo.

      Excluir
  3. Sigo sem entender como a direção da Globo encerra o Vídeo Show mas mantém a cansada Sessão da Tarde no ar. Só pela escalação do Érico Brás pra formar dupla com a Fernanda já demonstra o quão equivocada essa atração poderá ser.

    ResponderExcluir
  4. Vale a pena ver de novo ja foi tro ado devido às reprises mexicanas sei la

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, a troca se deu porque as novelas davam mais audiência que a Sessão da Tarde, e a Globo quis aproveitar o efeito dominó.

      Excluir
  5. Eae André. Acredito que os filmes da Sessão da Tarde não têm nenhum apelo. Creio que este horário do Vale a Pena Ver de Novo esteja bom porque em termos de audiência pega muita gente voltando pra casa. Não sei porque as coisas na Globo estão bagunçadas, acabaram de demitir o apresentador do JH... Tá complicado!

    ResponderExcluir