sábado, 1 de junho de 2019

"Aqui na Band" resgata a clássica revista eletrônica matinal

"Te cuida, César Filho!"

Se Vildomar Batista, diretor de TV com longos serviços prestados, tem algum sucesso incontestável no currículo, este atende pelo nome de Hoje Em Dia, da Record. Foi o diretor que deu ao matinal a relevância que o programa ostentou em seus anos de glória. Para quem não se lembra, o Hoje Em Dia nasceu em 2005, sob a batuta de Wanderley Villa Nova, e estreou com resultados medianos. Foi a partir da entrada de Batista que o programa se firmou como o carro-chefe da programação de entretenimento do canal.

Ainda comandado por Britto Jr, Ana Hickmann e Edu Guedes (posteriormente, Chris Flores se juntou ao time), Hoje Em Dia se tornou a menina dos olhos da Record. Cheia de prestígio, a atração era uma espécie de revista oficial da emissora. Era ali que as grandes estreias eram anunciadas e que as estrelas da casa eram entrevistadas. Tanto que foi no Hoje Em Dia que nasceu a ideia do amigo secreto reunindo os artistas do canal, que segue acontecendo todo final de ano, e que se transformou no especial Família Record. O programa também se tornou referência e os demais canais tentaram imitá-lo. Na esteira, surgiram Olha Você, no SBT; Dia Dia, na Band; e Manhã Maior, na RedeTV. Nenhum vingou, diga-se.

Faz tempo que Vildomar Batista deixou o Hoje Em Dia. E, atualmente, o programa não é mais o que um dia já foi. A audiência não decepciona, mas o formato está bem diferente. Além da mudança de apresentadores, o Hoje Em Dia se tornou um programa mais segmentado, no qual os assuntos não “conversam” entre si. Exemplo disso é o bloco de notícias, apresentado por César Filho (e somente ele), e que ocupa a maior parte do matinal. As demais apresentadoras aparecem depois, nos outros quadros. Ou seja, o Hoje Em Dia perdeu a descontração entre seus comandantes, uma marca de seus tempos áureos. Em suma, está mais engessado.

Pois foi justamente este formato mais clássico que Vildomar Batista parece querer retomar, com a estreia do Aqui na Band, novidade da semana na Band (claro!). O novo matinal do canal dos Saad repete a fórmula clássica do Hoje Em Dia, mesclando informação, entretenimento e prestação de serviço. Tem à frente dois jornalistas com ampla experiência e muita empatia junto ao público, Silvia Poppovic e Luis Ernesto Lacombe. De quebra, bebe também da fonte do lendário TV Mulher, com um time de especialistas em colunas fixas, fazendo do programa uma grande e descontraída conversa.

Aqui na Band não traz nada de novo, é verdade, mas tem o trunfo de se colocar um programa mais harmônico e divertido. Ali estão as notícias do dia, as pautas sobre saúde e comportamento e as entrevistas diversas. Deste modo, se coloca como um programa honesto, bem adequado ao horário de exibição e ao seu público-alvo, tendo em vista que é uma atração que se pode assistir ao mesmo tempo em que se faz outras coisas. Além disso, a flexibilidade do formato permite com que Aqui na Band converse com vários públicos, diferente de seu “antecessor” Superpoderosas, segmentando ao extremo.

Mas nem tudo são flores. Aqui na Band tem o espinhoso desafio de fazer o público “redescobrir” a emissora. Afinal, a Band vive uma crise de audiência geral. E isso acaba afetando a programação como um todo. Isso explica, por exemplo, porque O Aprendiz, um programa bem acima da média do canal, está minguando com mísero um ponto no Ibope. Os constantes erros de estratégia da Band afastaram um bom público do canal. E, para reconquistá-los, é preciso paciência.

Aqui na Band tem suas qualidades e alguma chance de fazer o público do horário crescer. Mas a direção da emissora precisará de paciência, afinal, isso não acontece do dia para a noite. Já é uma vitória a Band optar por investir em conteúdo. Resta, agora, traçar estratégias para fazer com que o público descubra este conteúdo. Difícil. Mas não é impossível.

André Santana

6 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Comentarei hoje no meu blog sobre a semana de estreia do Aqui na Band. O programa tem desafios pela frente... Abs, Fabio www.blogfabiotv.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Pra ser sincero não acompanhei a carreira da Silvia e do pouco que vi acho que o tempo de geladeira não fez bem a ela. Vejo uma apresentadora rígida, insegura e perdida no vídeo. O Lacombe e o Dr. Fernando dão um baile nela, ela não conversa com o publico-alvo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou suspeito, Filippe! Sempre admirei Silvia Poppovic e desejava seu retorno. Creio que essa sua impressão tenha a ver com o fato de o formato ser uma novidade na carreira dela. Logo ela estará em casa.

      Excluir
  3. Se a Band tiver paciencia, pode dar certo. E pro padrao da Band, sejamos realistas, se o programa ultrapassar 1.5 de media, ja eh um sucesso. Ele ja faz um ponto na pratica, mas numericamente falando ta dando 0,7 , 0,8 de media, apenas dois decimos a mais da semana anterior. Mas o importante eh fidelizar um publico. Assisti a estreia e gostei mais pela Popovic, que adoro. Torco pra que de certo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A audiência está em curva crescente. Creio que vai emplacar.

      Excluir