quinta-feira, 11 de abril de 2019

Toque de caixa: nas manhãs da RedeTV, sai padre e entra Olga

"O que é que eu sou sem Jesus?"
Ontem, 10, a RedeTV confirmou a estreia do novo programa de Olga Bongiovanni, já na semana que vem. Batizada de Olga, a nova atração conterá os principais destaques do dia, prestação de serviço, dicas de saúde e qualidade de vida, e será exibida das 10h às 11h, de segunda a sexta-feira. Ou seja, a apresentadora chega para ocupar o espaço no qual atualmente é exibido Padre Alessandro Campos. O programa sairá do ar dois meses depois da estreia.

A razão da troca é simples: Padre Alessandro Campos não correspondeu às expectativas da emissora. Com baixa audiência, o programa do padre sertanejo não disse a que veio. E os resultados parcos surpreenderam um total de 0 pessoas. Afinal, já era previsível que o padre não teria fôlego para se manter no ar diariamente por muito tempo numa TV aberta comercial. Isso porque o programa era baseado unicamente em musicais e sermões. Muito pouco para um projeto diário.

Se a RedeTV queria aproveitar a popularidade do padre junto a um público mais velho, deveria ter apostado num programa semanal. Um musical exibido uma vez por semana teria mais chances de formar uma plateia cativa e não enjoar o público. Aliás, há quem diga que esta era a ideia da emissora, e foi o padre quem insistiu num programa diário. Deu no que deu. A princípio, Alessandro Campos vai deixar a emissora. Mas não está descartado seu retorno numa nova atração. 

Com Olga ocupando o horário, a RedeTV volta a apostar num programa mais tradicional no horário. Mas a novidade terá um desafio e tanto pela frente, já que o horário nunca abrigou um sucesso no canal. Bom Dia Mulher, Manhã Maior, Se Liga Brasil, Morning Show, Melhor pra Você e Fala Zuca foram algumas das apostas que não tiveram lá muita expressão. Olga, aliás, foi a principal apresentadora da história do Bom Dia Mulher, e ficou muitos anos por ali. Sendo assim, fica a torcida para que seu retorno traga algo de novo, afinal, simplesmente ressuscitar o Bom Dia não parece a melhor das ideias.

O desempenho de Olga também pode configurar uma mudança de status para Ricardo de Barros, atual diretor artístico da RedeTV. Desde que ele assumiu o cargo, foram feitas apenas duas apostas no entretenimento: Tricotando e Padre Alessandro Campos. Nenhum dos dois emplacou. Olga é outra aposta do diretor, e seu eventual sucesso o colocará em alta. Vamos ver.

André Santana

6 comentários:

  1. Gosto da Olga, mas o programa tem cara e cheiro de mais do mesmo.

    E esse padre é muito mala realmente, um semanal para ele já era mais do que o suficiente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Alexandre! A falta de ousadia ainda é um dos males da TV aberta.

      Excluir
  2. Eae André. Os programas matutinos deveriam se reinventar como o Mais Você faz com os quadros e temporadas curtas de Suoer Chef Celebridades e derivados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse bem, Marcelo! O Mais Você não perdeu relevância nestes 20 anos no ar porque soube se reinventar sempre.

      Excluir
  3. É valida a boa vontade da rede tv em investir na faixa das 10 da manhã ,visto que das 12 as15 horas não há chances mesmo
    Esse Padre sertanejo TB não deu certo da Gazeta ,pelo jeito é melhor ficar na rede vida ou emissoras segmentadas
    Olga grande profissional merece voltar pra São Paulo ,só espero que a rede tv de tempo para o programa crescer e não tirar do ar ,mais como deverá ter inúmeros merchandising ,acho difícil acontecer

    ResponderExcluir