quinta-feira, 4 de abril de 2019

"A Dona" no SBT, Sabrina Sato na geladeira e a volta de Olga Bongiovanni: é abril!

"Óia eu aqui traveis"

Abril é sempre um mês movimentado na TV aberta. Na Globo, por exemplo, é tempo de mudanças no horário nobre, com estreias de séries e minisséries aos baldes. Porém, além daquelas novidades da grade, algumas emissoras fazem mudanças que não são bem lançamentos, e sim um “Escravos de Jó” em busca de algum respiro.

No SBT, por exemplo, a tosca A Rosa dos Milagres já desapareceu da grade, como prevíamos. A emissora finalmente se tocou que só Silvio Santos gostou daquilo e tratou de substituir a série por algo que o público do canal aprecia e gosta: reprise de novela mexicana! A Dona ganhou um repeteco na faixa das 18h30 e já elevou os índices do horário, que estavam em baixa desde a reprise de Carrossel. Elementar...

Já a TV Gazeta tratou de mexer em sua grade diurna com uma série de novidades. Mas o único programa novo de fato é o De A a Zuca, com Celso Zucatelli, que ainda não perdeu a afobação vista no sofrível Fala Zuca, da RedeTV. No mais, a emissora apenas encaixou o Todo Seu na grade vespertina, transferindo o Cozinha Amiga para as noites. O resultado disso foi que o canal, mais do que nunca, tem uma programação cheia de programas iguais, mudando apenas cenários e apresentadores: Você Bonita, Revista da Cidade, De A a Zuca, Todo Seu e Mulheres são bem parecidos entre si.

A Record, por sua vez, segue revezando formatos nas noites de quarta-feira e acaba de lançar Top Chef, que nada mais é que um MasterChef com jurados sem carisma. Mas a grande mudança da temporada será mesmo o fim definitivo do Programa da Sabrina, que será substituído por reprises do Troca de Esposas já neste sábado, 06. A emissora há tempos avisou que Sabrina Sato teria uma nova atração este ano, mas nem se deu ao trabalho de se mexer até agora. Assim, o novo projeto foi adiado. Coisa mais estranha...

Enquanto isso, na RedeTV, a novidade é o bem-vindo retorno de Olga Bongiovanni. A emissora ainda não divulga oficialmente, mas especula-se que Olga voltará a ocupar as manhãs do canal, horário no qual comandou o Bom Dia Mulher entre 2004 e 2009. Com isso, é bem provável que Padre Alessandro Campos dance. Por enquanto é tudo especulação, mas faz sentido. O programa do padre não emplacou, e não é por acaso. A atração simplesmente não tem fôlego para a grade diária. Não há fé que aguente cantoria e sermões todo santo dia! Que venha Olga, baita apresentadora que merece sempre um bom espaço!

André Santana

6 comentários:

  1. Eae André.
    Com certeza, esse programa da Olga será de manhã e será mais uma revista "eletrônica" com hashtags.
    Também achei a grade da Gazeta esquisita, falta ali algum jornalístico porque o programa do Zuca não tem nada de jornalismo e realmente ele é afobado, ou melhor, quase um Fernando Rocha.
    A Record não vem bem já faz um tempo e o fim do programa da Sabrina não é má notícia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Marcelo, mas temo que Olga reedite o Bom Dia Mulher. O matinal já havia saído do ar pela audiência insatisfatória. Por que agora seria diferente? A RedeTV devia dar à Olga um novo formato, já que ela é uma baita apresentadora. Abraço!

      Excluir
  2. A saída do Ronie von deixou um buraco nas noites da tv na faixa das 22 horas,programa de ótima qualidade com artistas e convidados bem selecionados
    Eu preferia o Ronie anoite ,a tarde é apenas mais um dos inúmeros programas femininos a tarde
    A noite estranho reprisar Programa você bonita ,o programa não é ruim pelo contrário ,mais dicas de jardinagem ,aulas de de axé as 22 30 é algo estranho kkk
    Deveriam ao menos reprisar o Todo seu,mesmo numa pegada mais feminina seria a melhor atração da Gazeta vespertina que se encaixa anoite ,além de ter feito parte por anos desde horário
    Vale o esforço ,mais a gazeta sempre oferece mais do mesmo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão, Caio! Se era pra realocar o Ronnie nas tardes, poderiam mantê-lo a noite com reprises. A tarde da Gazeta ganhou com o Todo Seu, mas a noite perdeu, e perdeu muito.

      Excluir
  3. Concordo com todos, não faz o menor sentido do Ronnie Von ter seu programa transferido para a parte da tarde, tirando a parte comercial. Só aumenta a sensação de "mais do mesmo" da Gazeta e deixa um vazio ainda maior numa programação já esvaziada à noite.

    O Zucatelli é chato pra c...!(como diria Milton Leite). Muito melhor colocar um jornal e algum programa esportivo no lugar (ou então colocar o cachorrinho dele para apresentar o programa,rs...)

    Acho uma pena que o SBT sucateie tanto sua programação com trocentas novelas mexicanas repetidas, mas têm público e custam pouco, então podemos até compreender por um certo lado.

    Também concordo que o programa da Olga tem cara e jeito de ser figurinha repetida (e provavelmente não terá uma audiência espetacular), mas antes ela apresentando do que esse "padre-mala" que arrumaram por aí...

    Eu vi no Flavio Ricco que a Globo vai ter um programa de culinária no segundo semestre também, é verdade? Acho perigosa essa saturação de formato; até a Bandeirantes fez um programa ano passado (aquele de segunda, acho que era 1 contra Todos) que tinha um "quê" de Masterchef...

    ResponderExcluir
  4. Essa mesmice só faz as pessoas terem cada vez menos vontade de ver TV. Nem com a Globo contida as outras emissoras aproveitam para trazer novidades e firmar um público. Tô com muita preguiça de pegar o controle remoto e ligar a televisão pra ver TV aberta.

    ResponderExcluir