quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

"Mais Você"? "Encontro"? Tardes da Globo podem ter solução caseira

"Acorda, menina!"
A diversão da imprensa televisiva neste momento, além do início do BBB, é especular sobre o que será das tardes da Globo agora que o Vídeo Show finalmente foi rifado sem dó nem piedade. Muito já foi dito. Enquanto uns apostam numa revista eletrônica pilotada por Fernanda Gentil e Fabio Porchat, outros acreditam que um dos programas matinais da Globo, como o Mais Você ou o Encontro, poderiam migrar para as tardes. Será?

Sobre o projeto de Fernanda Gentil, ainda há poucas informações a respeito. Mas, até aqui, acredita-se que deve ser um programa solo mesmo, sem Porchat como parceiro. Segundo Ricardo Feltrin, Dani Gleiser já está escalada para a direção da atração, que deve ser um programa diário com auditório. Há quem diga que pode ser uma espécie de versão jovem do Encontro, o que torcemos para que não seja verdade. O ideal seria fazer algo aos moldes do Programa Livre, do SBT (lá vou eu de novo com minha fixação no Programa Livre… rs!).

Independentemente do formato do programa de Fernanda Gentil, o que parece é que a Globo ainda não sabe se será um programa matinal ou vespertino. Como há vaga nas tardes da emissora, o mais óbvio é que seja vespertino. No entanto, muitos especulam que a direção da Globo cogita transferir o Mais Você, ou o Encontro, ou até os dois, para as tardes, abrindo vaga nas manhãs. Mas essa parece a pior das ideias.

Encontro com Fátima Bernardes não é nenhuma unanimidade nas manhãs. Apesar de Fátima bombar na internet com seus memes e dancinhas, a audiência da atração não é lá essas coisas. Encontro chega a perder a liderança da Globo em algumas capitais. Sendo assim, nada garante que sua audiência melhoraria se fosse exibido à tarde. Pelo contrário. São grandes as chances do programa de Fátima Bernardes naufragar de vez. O ideal seria promover mudanças na atração, mas mantê-lo nas manhãs. Afinal, ele foi concebido para aquele horário, e seu formato permite mudanças que não iriam descaracterizá-lo. 

Já o Mais Você é um programa mais tradicional e mais redondo e, portanto, poderia levar sua credibilidade às tardes da Globo. Mas vale lembrar que o programa de Ana Maria Braga estreou nas tardes do canal, lááááá em 1999. E não deu certo. Ana costumava apanhar de Chaves e resistiu apenas 10 meses em seu horário inicial, migrando para as manhãs logo em seguida. Ali, também demorou para se encontrar. Mas se encontrou. Hoje, é um programa consolidado e o matinal mais estável da Globo. Trocá-lo de horário seria mexer em time que está ganhando. Ou seja, o ideal mesmo seria a emissora lançar um novo programa vespertino, e não promover troca-trocas na grade. A chance de não dar certo é grande.

André Santana

5 comentários:

  1. Olá novamente, amigo, comecei a acompanhar nessa semana o seu blog e antes de dissertar sobre o assunto, quero parabenizá-lo pelo trabalho, ainda mais porque sou vidrado em críticas e sites especializados em opinião sobre TV e, eventualmente, acompanho os bastidores do que acontece no veículo de massa. Pois bem, agora que o finado Vídeo Show foi sepultado - para alegria de uns e tristeza de outros -, a Globo se vê de novo na árdua missão de arrumar um substituto no horário da tarde, e pelo visto vamos ver pela enésima vez o tapa-buraco de atrações aleatórias tal como ocorreu nos anos 80, quando a emissora procurava um programa para fazer frente ao Silvio Santos e só o conseguiu em 1989 com o Faustão; e no final dos anos 90, nas tardes de sábado, até a chegada de Luciano Huck. Voltando à conjuntura atual, me lembro que cogitei exatamente o que você citou no artigo: a Fátima não empolgava no ibope das manhãs em seus primeiros anos, e eu acreditava que se migrasse para as tardes talvez desse certo, mas vou concordar com você, e uma mudança dessas poderia derrubar a audiência do horário. Já o Mais Você até que seria interessante voltar às origens, até porque a atração celebra 20 anos nesse ano e reviver o velho Mais Você seria um presente. Fora as possibilidade listadas acima, por ora a Globo apostou na reprise da Grande Família, que se der boa audiência, pode se efetivar no horário, não sendo necessário investir numa nova atração ou realocar os matinais para a tarde. Vamos aguardar para ver qual das opções prevalecerá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que não fize a reoreise da grande família senão vai ficar como o São de baixo nos sábados kk

      Excluir
    2. Oi João Paulo, bem-vindo e continue participando do blog! Bom, eu acredito que a Globo não vai efetivar tantas reprises na grade regular, porque não é do perfil da emissora. O canal sempre prefere apostar em novas produções. Portanto, acredito que, mesmo se a reprise de A Grande Família for bem, em algum momento ela chegará ao fim. Como o Miguel disse, já há Sai de Baixo aos sábados e reprise de novela diária, não é preciso mais repeteco. Mas a emissora ainda não revela qual caminho tomará, então o jeito é aguardar. Abraços, João e Miguel!

      Excluir
  2. O programa da Maria Braga vai bem de manhã...mas como a emissora anda em fase dd mudanças e aumentando o tempo do Jornalismo desde o hora um epossível que desloquem o mais você para a tarde e encaixem a Fernanda gentil manhã

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adoro a Ana Maria Braga e acho que ela está ótima onde está! Se tentarem uma mudança neste sentido, pode arruinar a trajetória do Mais Você. Não acho que o risco vale a pena.

      Excluir