terça-feira, 16 de maio de 2017

Às sextas-feiras, "Legendários" perde vice-liderança

Deu no site Notícias da TV: agora exibido às sextas-feiras, o programa Legendários, da Record TV, tem ficado atrás do SBT, que exibe no mesmo horário filmes ultrarreprisados na Tela de Sucessos. Segundo o site de Daniel Castro, Marcos Mion só ganhou da emissora de Sivio Santos apenas duas vezes desde que saiu da noite de sábado; em outras oito vezes, perdeu para o SBT. No confronto mais recente, na sexta, 12, a reprise de Zumbilândia marcou 5,9 pontos na Grande São Paulo, contra 5,6 do Legendários.

Não se pode creditar o parco desempenho apenas ao programa em si. Afinal, como a imprensa especializada vem afirmando há um bom tempo, a Record foi a mais prejudicada em audiência desde que as emissoras que compõem a Simba (SBT, RedeTV e Record) deixaram de ser exibida na TV paga nas cidades onde o sinal analógico já foi extinto. Como os canais abertos, agora, podem receber pela transmissão digital, as emissoras da Simba querem receber para que as operadoras as exibam na TV paga. Enquanto a negociação não chega a lugar nenhum, SBT, Record e RedeTV não estão mais no line up das operadoras em São Paulo e Brasília (a Vivo, única operadora a ainda transmitir os canais, também já anuncia a retirada deles).

Mesmo considerando este contexto da Simba fora da TV paga, e tendo a Record como a emissora que mais perdeu público, a mudança do Legendários para as noites de sexta nunca pareceu uma boa ideia. Afinal, o programa de Mion estava consolidado aos sábados, sempre vice-líder e, algumas vezes, chegava a encostar no Altas Horas, da Globo. Mion chegou a enfrentar um novo concorrente, o Sabadão com Celso Portiolli, do SBT, mas a atração foi cancelada no início de 2017. Ou seja, nas noites de sábado, Marcos Mion não tinha muita concorrência.

Segundo consta, a Record mudou Mion de dia porque o Legendários estaria sofrendo um “canibalismo comercial”. Aos sábados, ele sucedia o Programa da Sabrina, também programa de auditório e voltado ao mesmo público que Legendários. Assim, possíveis anunciantes não viam vantagem em anunciar em dois programas parecidos, exibidos um após o outro. E, ao escolherem onde anunciar, o programa de Sabrina Sato levava a melhor. Ou seja, a mudança para a sexta-feira foi uma tentativa da Record de tentar dar uma sobrevida comercial ao programa de Marcos Mion.

Entretanto, a audiência do Legendários caiu. Ao mesmo tempo, nos últimos dias, vários colunistas especializados noticiaram que o contrato de Marcos Mion termina neste ano e, até agora, o apresentador não foi chamado para uma renovação. Ainda é cedo para concluir qualquer coisa, até porque Mion terá um novo programa este ano, o reality show A Casa, que substituirá Power Couple. Sendo assim, temos que esperar para conferir o desempenho da nova atração e, ainda, observar uma possível reação do Legendários às sextas. No mais, é uma pena que isso esteja acontecendo, já que Legendários havia tomado um caminho interessante aos sábados, e Marcos Mion se revelou um belo animador de auditório. Vamos ver o que acontece.

O TELE-VISÃO virou livro! Compre agora! CLIQUE AQUI: http://bit.ly/2aaDH4h


André Santana

4 comentários:

  1. O programa precisa melhorar ,aliais a maioria dos programas de auditório hein ( Geraldo ,eliana,Gugu ,Faro ).
    Gosto do Marcus Mion e torço por ele ,pelo menos ele não apela ao sensionalismo,marca da tv Record e parece ser bem carismático ,torço por ele ,porém acho que voltar ao sábado é melhor caminho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Legendários destoa dos programas de auditório da Record...

      Excluir