quinta-feira, 18 de maio de 2017

Após período conturbado, Globo vive calmaria com suas novelas

A Globo, após muito bater cabeça com suas novelas, agora pode respirar mais aliviada. Suas três novelas diárias, além de Malhação, vivem boa fase no Ibope. Viva a Diferença, Novo Mundo, Rock Story e A Força do Querer registram bons índices de audiência e colocaram seus respectivos horários num trilho mais aceitável pela direção da emissora.

Malhação já vinha numa boa fase há tempos. Malhação Sonhos, Seu Lugar no Mundo e Pro Dia Nascer Feliz já renderam bons índices de audiência para o canal e serviram como importante alavanca para sua grade de programação. Mas Malhação – Viva a Diferença vem surpreendendo. Isso porque a história de Cao Hamburger já vem rendendo bons números desde sua estreia, um fato raro, garantindo já uma média diária de 20 pontos no Ibope. Normalmente, as tramas decolam apenas após um certo tempo de implantação. Além disso, Viva a Diferença também é um sucesso de crítica, ao contrário das duas temporadas anteriores, de Emanuel Jacobina. Malhação também vem sendo ajudada pela reprise de Senhora do Destino, que a antecede, e também vai indo muito bem.

Novo Mundo conseguiu apagar a má impressão deixada por Sol Nascente e colocou a faixa das seis, novamente, no rumo dos acertos. Afinal, a faixa das 18 horas da Globo vinha numa sucessão de acertos, principalmente com a trinca Sete Vidas, Além do Tempo e Eta Mundo Bom!, todas muito bem-sucedidas. Agora, a trama dos estreantes Alessandro Marson e Thereza Falcão segue sempre em torno dos 25 pontos no Ibope, excelente resultado.

Rock Story, por sua vez, mantém a boa fase da faixa das sete, iniciada em Alto Astral, e mantida em I Love Paraisópolis, Totalmente Demais e Haja Coração. Segundo o colunista Ricardo Feltrin, a trama de Maria Helena Nascimento deve terminar com média geral menor do que suas antecessoras. Mesmo assim, registrou 28,7 pontos no Ibope no capítulo de ontem, 17. Nada mal.

A Força do Querer veio dar novo fôlego ao horário mais problemático da Globo nos últimos anos, a faixa das 21h. Depois de Império, as tramas das nove vieram ladeira abaixo com Babilônia e A Regra do Jogo. Velho Chico ensaiou uma recuperação, mas A Lei do Amor tratou de derrubar os índices novamente. Agora, a trama de Gloria Perez vem se mantendo sempre acima dos 30 pontos ainda em seus primeiros meses no ar, coisa que não acontecia há tempos! E a tendência é que a trama cresça ainda mais. O único elo mais fraco da dramaturgia da Globo é a “supersérie” Os Dias Eram Assim, que ainda não emplacou. Mas, sobre isso, falaremos numa próxima oportunidade.

O TELE-VISÃO virou livro! Compre agora! CLIQUE AQUI: http://bit.ly/2aaDH4h


André Santana

6 comentários:

  1. Má impressão de Sol nascente foi só pra crítica,o público gostava e audiência foi ok,superior a várias queridinhas como Sete vidas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, a audiência de Sol Nascente cresceu apenas em sua reta final.

      Excluir
  2. Injustiça sobre "A Regra do Jogo": a novela veio após o maior fracasso da história da Globo, enfrentou concorrência pesada da Record que vivia seus dias de glória, e mesmo assim aumentou em 3 pontos a audiência do horário (28,5 ante 25,5 de "Babilônia"), ultrapassou a barreira dos 40 pontos pontos em seus últimos capítulos e entregou a faixa em alta pra "Velho Chico", que a deixou praticamente estagnada, subindo apenas meio ponto, o que caracteriza empate técnico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O texto leva em consideração apenas a média geral final. Claro que há todo um contexto em cada um destes resultados, e A Regra do Jogo teve, sim, problemas com os números em baixa herdados de Babilônia e o sucesso de Os Dez Mandamentos. Mas, na média geral, A Regra ficou abaixo de Velho Chico, e é apenas isso que o texto considera.

      Excluir
    2. Ok, vamos lá. Média final de Babilônia: 25,5; A Regra do Jogo: 28,5; Velho Chico: 29,0. Então, nota-se que quem iniciou a recuperação do horário foi A Regra enquanto Velho Chico deixou no mesmo patamar.

      Excluir
    3. Sim, mas A Regra do Jogo pegou em baixa e engrenou apenas na reta final, daí a média igual a de Velho Chico, que ficou no mesmo patamar e teve certa estabilidade.

      Excluir