quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Enquanto SBT aposta em "Show do Milhão" aos sábados, Record joga "Legendários" às sextas

Na última semana, fomos todos pegos de surpresa com o anúncio do SBT de recrutar crianças de até 12 anos para se inscreverem no site da emissora e participarem de novas versões de Show do Milhão e Roda a Roda. Dois games clássicos de Silvio Santos, as atrações terão versões kids que serão exibidas no sábado à noite. Com isso, está sanada a dúvida sobre o que entraria no lugar de Sabadão com Celso Portiolli, cujo final foi decretado recentemente.

Show do Milhão e Roda a Roda com crianças virão para fortalecer a grade de sábado da emissora, que terá “a volta do que não foi” do Programa Raul Gil à tarde, e as estreias de Operação Mesquita e Fábrica de Casamentos às 18h15 e às 21h30, respectivamente. Mas não será mais um espaço de Silvio Santos na grade, já que o dono do SBT pretende passar o bastão dos comandos dos “novos velhos” programas para sua filha número pim, Patrícia Abravanel. A jovem, assim, acumulará o Show do Milhão e o Roda a Roda aos sábados com o Máquina da Fama, que segue às segundas, e participações no Programa Silvio Santos, aos domingos.

No entanto, a volta do Show do Milhão deverá gerar algum imbróglio entre Globo e SBT. Isso porque a emissora dos Marinho adquiriu os direitos do quiz show Who Wants to Be a Millionaire, atração que inspirou o brasuca Show do Milhão. O formato importado vai virar um quadro do Caldeirão do Huck, na Globo, e deve gerar alguma disputa entre os canais na justiça. Mais ou menos o que aconteceu quando a Globo comprou o Big Brother, enquanto o SBT apostou na Casa dos Artistas. O processo levou a suspensão do reality do SBT, que ficou fora do ar um dia, e, mais adiante, a emissora de Silvio Santos foi proibida de apostar em novas temporadas da atração. Será que a Globo vai impedir a volta do Show do Milhão? Aguardemos os próximos capítulos. E vale lembrar que Record e Band já ameaçaram, anos atrás, a produzir versões locais do Who Wants to Be a Millionaire, com Roberto Justus e José Luiz Datena, respectivamente.

E voltando a falar sobre a grade de sábado dos canais brasileiros, algo curioso vem chamando a atenção. A Record já anuncia a mudança de Legendários, de Marcos Mion, das noites de sábado para a sexta-feira. Já faz um tempo que a Record ameaçava mudar ou o Legendários ou o Programa da Sabrina para a sexta-feira, no intuito de ter diversos programas de auditório na faixa das 22h30 durante a semana, que já tem Xuxa às segundas e Gugu às quartas, e terá realilies às terças e quintas (Power Couple, que estreia em abril, será o primeiro deles). Mas, com a recente aposta em reprises de material do Domingo Show no “novo” Geraldo Brasil, pensou-se que a ideia não iria adiante, e Geraldo Luís poderia acumular as noites de sexta com as tardes de domingo. Como se vê, isso não vai mais acontecer, pois a Record já anuncia a estreia de Legendários às sextas-feiras a partir do dia 10 de março.

É muito estranha esta ideia da Record. Legendários sempre foi bem aos sábados. Beliscou a liderança em alguns momentos, e garantia a vice-liderança quase sempre para o canal. Batia de frente com dois programas de auditório, o Altas Horas da Globo e o Sabadão do SBT, e não decepcionava. Agora, vai mudar para as noites de sexta e deixará o caminho livre para que o SBT emplaque seus novos Show do Milhão e Roda a Roda. No lugar do programa de Mion, aos sábados, entrarão os filmes da Super Tela, atualmente em cartaz às sextas. Será que uma sessão de filmes que sobrevive de reprises terá fôlego diante das novidades do SBT? E nada garante que o bom desempenho de Legendários aos sábados se repetirá às sextas. A última vez que a Record apostou em auditório nesta faixa foi com o Me Leva Contigo, com Rafael Cortez, de triste lembrança. A emissora está trocando o certo pelo duvidoso.

O TELE-VISÃO virou livro! Compre agora! CLIQUE AQUI: http://bit.ly/2aaDH4h


André Santana

6 comentários:

  1. Record e sua mania de mexer no que está dando certo...

    Jurandir Dalcin | http://www.jurandirdalcincomenta.com/

    ResponderExcluir
  2. Não era a Record que tinha os direitos de Who wants to be a Millionaire? Até estavam comentando que podia ser o programa que iria tirar o Britto da geladeira.

    ResponderExcluir
  3. A Record teve a opção de compra do formato, mas acabou desistindo dele. E a Globo comprou agora. O Britto já está fora da emissora.

    ResponderExcluir