quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Band e RedeTV promovem "troca-troca" matinal


Nesta quarta-feira, 26, a RedeTV anunciou a contratação de Luís Ernesto Lacombe. O jornalista, que deixou a Band após ser afastado do matinal Aqui na Band, que ele tratou de transformar numa arena bolsonarista, se dedicará a novos projetos na emissora de Amílcare Dallevo e Marcelo de Carvalho. Segundo Flavio Ricco, a ideia inicial seria um novo matinal diário e, ainda, um semanal, que pode ocupar a vaga do Mariana Godoy Entrevista.

Enquanto isso, Edu Guedes anunciou recentemente que vai deixar a RedeTV. O apresentador, que comanda o Edu Guedes e Você desde 2018, é uma das principais fontes de faturamento do canal, mas optou por seguir novos caminhos. Não há nada oficial, mas segundo toda a imprensa especializada, Edu está com os dois pés na Band. Segundo o Notícias da TV, Edu pode ganhar um programa só seu, ou se tornar colaborador dos programas de Mariana Godoy ou Cátia Fonseca. 

Edu Guedes nas manhãs da Band faz todo o sentido, dada a tradição da emissora em programas de culinária matinais. Afinal, foi a emissora que consagrou, em definitivo, Ofélia Anunciatto, no clássico Cozinha Maravilhosa da Ofélia. Após a morte da culinarista, o canal apostou em Daniel Bork, que comandou programas como Receita Minuto, Bem Família, Dia Dia e Cozinha do Bork, todos dedicados às receitas.

Assim, caso Edu realmente assine com o canal do Morumbi, a emissora retoma este filão. Que nunca foi completamente abandonado, já que o Aqui na Band tinha um quadro de culinária que deve permanecer, com o chef Dalton Rangel, no novo programa de Mariana Godoy.

Mas é curioso notar que Luís Ernesto Lacombe deve estrear na RedeTV justamente na lacuna que será deixada por Edu Guedes, que pode vir a ocupar o espaço que já foi de Lacombe na Band. Mais curioso ainda é perceber que a Band acabou com o matinal de Lacombe justamente pelo viés bolsonarista exagerado e desconfortável, que deve ser justamente o que a RedeTV procura para suas manhãs. 

Comercialmente, parece um tiro no pé. A Band, acertadamente, busca algo plural e com potencial de venda para encher seu cofrinho. Enquanto isso, a RedeTV perde um de seus maiores faturamentos, e apostará um programa que, dado o histórico de Lacombe, não se converterá em audiência, muito menos faturamento. Será apenas mais uma maneira de tentar agradar o governo em troca de afagos e migalhas. Fazer o que?

André Santana

5 comentários:

  1. Infelizmente essa é a única "especialidade" do Lacombe, e pelo fato do Amilcare ser um apoiador ferrenho do governo, o tiro no pé mesmo foi dado pela RedeTV. Não tenho dúvidas que a audiência vai ser um desastre. E a Band, por sua vez, saiu ganhando, ainda mais que as manhãs da emissora vão voltar a ser o que eram. O público não tem o menor saco para ficar assistindo a um debate de manhã, ainda mais mediado por um direitista descarado. Com essa mudança, o público da RedeTV vai migrar para concorrência inevitavelmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O tal Marcelo também inclusive foram eles sem querer ou não que promoveram Bolsonaro no programa da Luciana Gimenez com opiniões polêmicas mas que tem seus fas

      Excluir
    2. João Paulo, o Aqui na Band já traçava na sua pior fase "debate bolsonarista do dia". Na RedeTV será outro micão! Se a emissora ganhasse realmente algo com essa puxação de saco governamental, eu nem acharia tão estranho. Mas eles não ganham NADA com isso! Esse governo um dia acaba, e o que fica é a história. Acho a falta de visão destes empresários de TV algo alarmante. Não por acaso, a RedeTV traça a maior parte do dia...

      Excluir
  2. Todos chegam na rede tv ! Felizes, cheio de planos etc Até que vem audiência, algo na casa de 0.3 ou 0.5 e o otohrana acsba sendo rodado da grade!

    Muito estranho esse piloto de Marina Godoy até hoje não ser aprovado pela direção


    A Rede tv deveria se preocupar em pagar salários dos profissionais ao invés de bajular,pra não falar outra coisa, do governo federal


    Aqui é o Caio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Caio! Falou tudo! Esse pessoal da TV simplesmente não sabe fazer TV, e se estapeia em busca de esmola do governo. Engraçado é que são as mesmas pessoas que consideram os "artistas de esquerda" de "mamadores da Lei Rouanet". Quem mama mais nessa história toda?

      Excluir